quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Bestiário do Falando de RPG: Ogthull A Assombração Verde

Olá senhores e senhoras! Faz algum tempo que queria postar essa criatura que tinha bolado, mas ainda não tinha feito as suas estatísticas, entretanto consegui um tempinho, fiz e agora nesta tarde eu vos apresento o Ogthull e com ele uma pequenina biografia hehehehehe.

É, eu não sei desenhar, mas deu vontade então...


Ogthull                                 Bruto de Nível 10
humanoide vegetal ( grande)                       500 XP             
Iniciativa: +6                  Sentidos: Percepção: +6
Pvs: 128; Sangrando: 64                                         
CA: 23; Fortitude: 22; Reflexos: 20; Vontade 21
Deslocamento: 8                                                       
                                                                                    
Vulnerabilidade: 5 Vs. Fogo                                    
Resistência: 5 Vs.  Elétrico                                      
                                                                                    
* Garras de Madeira  (padrão; sem limites)        
Corpo a corpo; +13 Vs. CA; 2d6 +5 de dano        
                                                                                    
** Chicote de Vinhas( padrão; encontro)             
À distância 6; + 11 Vs. Reflexos;  4d8 de dano
e o personagem fica agarrado sofrendo 5 de 
dano contínuo ( teste resistido de força para
se soltar)

Histórico: Quando as árvores de uma antiga floresta se ressentem das maldades que sofrem, seus corações se enchem de grande ódio e mágoa por todas as coisas que vivem e não são plantas, desse sombrio sentimento nasce, de acordo com alguns magos, uma terrível criatura, que passa a assombrar e trazer morte a animais e viajantes que passam pela floresta, consumindo-os, tentando assim atenuar a fome da colérica vegetação florestal.
Tal criatura, ganhou o nome de Ogthull, a assombração verde, dizem os poucos que sobreviveram ao seu ataque, que a bizarra criatura de um olho só disfarça-se de árvore, ou brota do chão, sendo quase imperceptível graças ao seu verde, semelhante ao encontrado nas folhas características das florestas antigas.
Pouco é conhecido deste horror; entretanto, se tem ciência que é uma espécie de planta mágica, capaz de se mover, as lendas também falam que é incapaz de se matar efetivamente, a não ser se a árvore mais velha da floresta for encontrada e queimada; pois dizem que é ali que reside a essência da vida de um Ogthull.