terça-feira, 30 de outubro de 2012

O Impacto de Itens Mágicos com História

Olá pessoal! Hoje eu quero trazer para vocês, ou melhor, eu quero conversar com vocês sobre itens mágicos de uma maneira mais profunda, que vai mais além de suas estatística e abarca o que poderíamos chamar de historicidade.
Neste post, quero deixar claro que minha intenção é fugir do genérico e do matemático é dialogar sobre identidade e sobre narrativa, falar um pouco sobre o que em minha humilde opinião faz de itens mágicos coisas legais de se colocarem em uma campanha.
Antes de mais nada quero deixar claro que entendo como historicidade a característica de algo como ser, mergulhado no tempo universal, enfim  os aspectos formadores da identidade de alguma coisa ou de alguém dentro de um contexto temporal geral e contínuo interdependente dessa alguma coisa ou desse alguém.
Pois bem, levando isso na bagagem afirmo que o mais legal, na minha humilde opinião, quando se trata de itens mágicos não está nos seus bônus ou estatísticas matemáticas que tornam o jogo mais power para os jogadores. O que me chama a atenção nos itens mágicos é o seu valor identitário, sua historicidade, ou seja, seu lugar dentro do cosmos mítico criado no ato de contar coletivamente as aventuras de um punhado de aventureiros dentro de um universo peculiar.
Pensando a partir desse modelo, os itens mágicos se tornam raros e misteriosos, ou  ao menos, populares, mas dignos de uma importância bem grande, já que até o item mais vagabundo tem uma história ou está tendo essa história construída nos momentos que está sendo usado pelo personagem em questão. Transformando-se em parte da lenda juntamente com o Pj.
Tornamos a partir dessa perspectiva a memória mais importante do que os efeitos e a história um elemento de peso, pois ao pensarmos nos feitos conseguidos através do uso de um item, elevamos seu preço e as vezes o colocamos no patamar de incomprável, algo que particularmente eu gosto muito.
Quando se valoriza a história, se valoriza o afeto e intensidade da relação entre personagem e seus itens trazendo por consequência bons momentos de interpretação e ótimas sacadas para a história.  Não temos apenas o guerreiro usando sua espada +1, temos o guerreiro usando a espada matadoras de goblins. Há como se percebe um mergulho que vai para além dos números.
Fora isso, ao se perceber dentro do jogo um item verdadeiramente épico ele será tratado como tal e não como mais um item verdadeiramente épico que cruza o nosso caminho. Haverá, ao meu ver, impacto e com esse impacto um momento que pode significar uma reviravolta dentro da história.
Enfim, atualmente estou usando os itens mágicos para desenvolver a história e trazer para ela muitos mistérios e dúvidas, eles estão sendo o que gosto que sejam em meus jogos, divisores de água e "chocolates finos". E então como vocês impactam seus jogadores com o uso de itens mágicos?