Pular para o conteúdo principal

Itens Mágicos: As Ruinas dos Orcs

Olá meus queridos leitores, estou muito feliz com o andamento do blog, pois agora passamos de seis seguidores para nove, além disso, tivemos oito comentários no decorrer de três dias, uma marca muito boa, afinal estou começando agora.
Nesta postagem eu trago a história e os dados rpgisticos de um item mágico que criei e que provavelmente será mescaldo ao meu cenário caseiro, esta postagem também marca a primeira com regras, voltadas é claro para a 4ºedição do D&D, contudo espero que mesmo aqueles que não jogam leiam e que se inspirem a usá-las ou a crias itens semelhantes, agora vamos ao que interessa!

"Em meio as ruinas de um antigo palácio eladrin no norte da estrada dos eternos,um grupo de aventureiros silenciosamente caminha dentro de um grande salão cheio de lembranças, quando Aliadrin encontra algo muito valioso
- O que foi que você encontrou orelhuda?-pergunta rispidamete Jurark, o guerreiro do grupo
- algo de valor inestimável para o meu povo seu ignorante - responde à altura Aliadrin, a eladrin do grupo - Uma espada que vale mais do que todos os nossos bens, eu encontrei uma Ruina dos Orcs."

No início das imigrações élficas para a Grande Floresta e dos reinados eladrins nas proximidades dos Picos Antigos, houve uma grande guerra que culminou no derramamento de sangue e de lágrimas nos belos vales e nas verdes florestas verdes do mundo.
Orcs, seres malignos,perversos de coração, desciam as montanhas para atormentar e assaltar os reis eladrine os senhores élficos, levando em cada assalto, as riquezas, as mulheres e as crianças.
Assim era cada a cada início e final de estação, batalhas infinitas eram travadas e apesar das vitórias do povo-fada, os triunfos sobre aqueles monstros tinham o gosto cada vez mais amargo,o crepúsculo e o a noite eram o prelúdio de uma  guerra sombria.
Com isso em mente, elfos e eladrin se uniram ainda mais e dessas raças irmãs surgiram dois ferreiros poderoso Gildariom e Aulahel.
Estes ferreiros dominavam como nenhum outro a forja e a mágica, sua parceria deu frutos inimagináveis, itens maravilhoso, anéis mágicos e poderosos, contudo as suas criações mais famosas foram as espadas que ficaram conhecidas como Ruina dos Orcs.
com essas espadas de imenso poder em punho elfos e eladrin mataram os grandes das numerosas tribos orcs, trazendo a paz para suas terras e semeando o medo no coração dos orcs, com suas nações estabelecidas foram escritas lendas e canções sobre as espadas e os combates , enaltecendo os valentes entre o povo-fada.
Com a passagem do tempo as histórias foram o que restaram, aos poucos as espadas foram esquecidasnas ruinas e nos salões reais como sinais da glória do passado, raros são aqueles que ainda detém um desses artefatos, pois muitas foram consumidas pelo fogo dos dragões e ainda mais raros são os ferrerios capazes de produzi-las.
Descrição: Espadas longas ou curtas trabalhadas nas melhores chamas e encantadas de forma especial, suas lâminas estão sempre cintilantes e novas, elas são encrustadas com runas que geralmente representam o nome do primeiro dono ou a sua genealogia, seu cabo é feito de madeira nobre e perfumafa, escura, contudo brilhante, a maioria dessas espadas são encantadas com o encanto de preservação que não permite os abusos do tempo, mesmo depois de séculos.

RUINA DOS ORCS (Nivel 5)
Ao se aproximar de orcs a Ruina dos Orcs emite um brilho de uma determinada cor, que ao romper a carne marca as criaturas atacadas com as brazas das chamas élficas.
Nivel 5 +1            Nivel 20 +4
Nivel 10 +2          Nivel 25  +5
Nivel 15 +3          Nivel 30  +6

Armas: Espadas longas e espadas curtas
Melhoria: Ataques e danos
Decisivo: +1d6 por bônus de melhoria 

Filha do Fogo(sem limite-flamejante) ação livre: Todo ataque com a runia dos orcs é considerado flamejante.Com uma ação livre este poder pode ser desativado.

Temor para os Orcs(sem limite) ação minima: Caso o inimigo seja um orc com uma ação minima o personagem pode fazer umteste de intimidar com um bônus concedido pela espada idêntico a sua mlehoria.

Chamas Élficas (diário)ação livre: Ao atingir um inmigo pode-se ativar este poder. O inimigo é tocado pela chama élfica e sofre 1d6 de dano flamejante adicional e 5 de dano contínuo( TR encerra), caso o inimigo seja um orc o dano aumenta para 1d6 +5

do nivel 15 ao 20: 2d6 adic. 10 de dano contínuo/ Orcs: 2d6 +5
do nivel 25 ao 30: 3d6 adic. 10 de dano contínuo/Orcs: 3d6 +5