Pular para o conteúdo principal

Uma Nova Crônica, Um Novo Começo, Como Iniciar?


Olá pessoal! Estamos nós por aqui de novo para bater um papo sobre minha nova crônica, e sobre como eu estou pensando em começa-la, retomando um pouco do tema que já tinha escrito neste post e assim explorando um pouco do que a gente chamou por aqui de Pegadas na Areia. Então vamos ao que interessa né?

Tudo começou quando eu e minha noiva decidimos montar uma crônica particular, no intuito de fazermos alguma atividade lúdica juntos, decidimos então jogarmos Senhor dos Anéis e de vez em quando montarmos uns quebra cabeças.
Pois bem, diante da proposta, que prestes se concretizará, catei uma ficha que há muito havia feito para ela e comecei a pensar no que fazer para começarmos a jogar; contudo, como andei falando não queria nada que me desse muito trabalho, até por que a coisa vai ser bem despretensiosa.
Pensando e pensando, quando estava prestes a "fritar meu cérebro, eu me lembrei do post que "linkei" e lendo resolvi por em prática o seguinte parágrafo:

"Um segundo ponto a refletir é: não defina logo o tema da história, trabalhe a história e os seus eventos, através destes o tema logo se demonstrará; é interessante afirmar que a história constrói o tema e que este é o que poderíamos chamar de essência da história, ou seja, aquilo que no fim ela passará e gravará em nossas memórias; tendo isso em vista, pode até parecer estranho, mas pensar no tema da campanha, e consequentemente em seu tom, depois de duas ou três sessões é algo bem sensato; até porque estas se comportam como uma espécie de rascunho, de preparação para o que virá, vocês não acham?"
 São exatamente essas linhas em negrito que colocarei em prática na minha próxima empreitada, não farei nenhum planejamento, muito menos refletirei em um grande saga, pois não jogaremos rotineiramente, mas casualmente, por isso não vou criar grandes expectativas, muito menos planos mirabolantes, farei o mínimo e me divertirei com isso.
Entretanto, isso não significa que irei vazio, pois já pensei em uma pequena situação, uma introdução rápida e que desencadeará bons momentos interpretativos que se desenvolveram e me levarão até o "tema" da minha história, sendo assim vai ser uma grande cavalgada em meio as brumas da fantasia, enfim eu estou bem animado para isso.
Para finalizar o post de verdade, vou deixar um esquema que vou seguir, não considero uma preparação no sentido completo da palavra; é, no final das contas, um pensamento esquematizado.
  • Uma situação simples, mas bem arrebatadora, ou seja, um bom e marcante começo.
  • Uns três ou quatro encontros pensados, não necessariamente construídos, mas pensados
  • Um lista de nomes de Pdms e se necessário de locais
É só isso por enquanto, gostaria que vocês comentassem, pois sua participação é bem importante.